Tarifas de água e esgoto serão reajustadas em 9,75% a partir de janeiro

Aumento de água em Salto
Reunião apontou decisão da ARES-PCJ para os índices de Salto a partir de 2020

A Agência Reguladora dos Serviços de Saneamento das Bacias do Piracicaba, Capivari e Jundiaí (ARES-PCJ), responsável pela regulação dos serviços de água e esgoto em Salto, definiu uma revisão de 9,75% na tarifa de água e esgoto da cidade, que deve vigorar a partir de janeiro de 2020.
O novo percentual foi apresentado nesta segunda-feira (2), pela equipe da ARES-PCJ, à Comissão de Regulação e Controle Social.

O cálculo da nova tarifa é baseado em uma análise técnica-operacional e econômico-financeira, que leva em conta os investimentos realizados pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), despesas com concessionárias, energia elétrica e outros.
Além do reajuste da tarifa de água e esgoto, a ARES-PCJ estabeleceu também reajuste de 2,54 % nos demais serviços prestados pela autarquia saltense. Os novos valores deverão entrar em vigor em janeiro de 2020, 30 dias após publicação da Resolução, da ARES.

A entidade estabelece o reajuste dos serviços de água em esgoto em Salto e mais 55 cidades da região do PCJ.
Diante do reajuste, a tarifa mínima residencial de consumo em Salto – que varia de 0 a 10 metros cúbicos – passará de R$ 20,83 a R$ 22,86.

Resolução constando os novos percentuais deverá ser publicada nesta semana, em Diário Oficial do Município.

Fale sempre com o SAAE: 4602-6370

Fechar Menu